24.9.09

Eu já escuto os teus sinais...

Chegou silenciosamente. Sem alardes e barulhos, venceu toda a acidez, distância, pouca mobilidade,"defeito" que afirmaram que você tinha, competição e a minima possibilidade de continuar indo. Indo pra o caminho que só você sabia onde era. Não importa nada. É pra lá que você ia, tinha que ir. Você sentia que podia e queria!Chegou. Venceu. Nascia você. Sua nova casinha se tornou impermeável para seus antigos adversários. Era só com você agora. Você tinha que continuar indo... Quando todos os cromossomos iam se juntando, as células se dividindo, você ia entendendo porque tinha chegado até ali. A sua herança, muito mais do que genética, era de amor. A cada semana de milhões de revoluções silenciosas dentro de mim, você ia ficando mais forte. Pra me encontrar. Quando foi formado seu coração, o maior símbolo do amor e das emoções foi justamente quando nos encontramos pela primeira vez. Você já sabia de mim, mas eu não te conhecia ainda. Batidas fortes, ritmadas, lindas. E ninguém diria que eram apenas "batimentos cardiácos". Era a vida cantando que ela tinha começado pra mim. Era você ao som da mais linda melodia que meus ouvidos já ouviram. A gente se encontrou e já se amava tanto que se o meu coração parasse de bater, o seu também iria parar. Que cumplicidade! Fizemos um pacto silencioso que só a gente sabe, mas que talvez tenha sido observado pela pequena lágrima que escorria do meu rosto. Você e eu...como conseguimos viver tanto tempo separados? A cada dia você crescia... sempre protegido por mim, mesmo com meus muitos erros de quem ama demais, você está lá, seguro desse excesso de insegurça, medo e amor do mundo aqui fora. Você virou a razão de todos meus pensamentos, sonhos e planos, mas não te via, não ouvia seu coração todo dia e sua casinha demorou pra crescer e aparecer. Amar você era quase um ato de fé. Eu cria que estava tudo bem e assim eu esperava. Até que hoje, você, meu filho, explodiu toda sua vida em mim. Dançou na minha barriga e manifestou com seus gestos e movimentos tudo o que queria me dizer. Você mexeu, você mexeu! E eu entendi o recado: você não só apenas vive em mim, mas como veio pra me trazer a própria vida. E eu só lembrei daquela música do Alceu Valença "Eu não duvido, já escuto os teus sinais. (...) Tu vens, tu vens, eu já escuto os teus sinais..."

5 comentários:

Mônica Luíza disse...

Que lindo Marilia!!!!!!!!!!
Amei esse post seu...
E torço para que cada dia mais seu bbzinho(a) lindo(a) cresça forte e feliz ai dentro...

Te adoro muito moça e se precisar é só falar comigo..

Beijokas

Magéliah disse...

barriguinha linda e Marília com carinha de mãe bobona! É maravilhoso vê vcê e o Heitor babando pelo príncipe ou princesa que está chegando!

Susany Vidal disse...

Lindo Marília... Vc tem o dom de escrever e emocionar essas leitoras tão bobas... (risos)
Meus parabéns, viu??
Beijos querida!

Blog da Cá disse...

Olá,
Sou a Camila, lá do Enjoy Baby. Parabéns pela gravidez, prepare-se para viver os meses mais maravilhosos da vida.
A música que vc viu no meu blog é do CD - VIDA DE BEBE, e quem canta é Isadora Canto, que fez essa música pra seu filho Theo. No site do Submarino tem esse CD para vender... e nele há outras belissimas músicas.
Abraço com carinho
Camila e Henry

KARLA disse...

LI TUDO QUE ESCREVEU E AMEI, É MESMO MUITO MÁGICO TODA ESSA MUTAÇÃO NO CORPO, NOS RELACIONAMENTOS QUE TEMOS COM O MUNDO E COM DEUS. GESTAMOS MUITO MAIS DO QUE UM FILHO, GESTAMOS SONHOS, ESPECTATIVAS, SURPRESAS E ACIMA DE TUDO, O AMOR ÁGAPE QUE VEM DA BOA PERFEITA E AGRADAVÉL VONTADE DO PAI.
DEUS OS ABENÇÕE...
BJIMDA TIA KARLA;)